Raposa Crítica
Freebie Banco de Ideias
Resenhas Literárias
GUIAS TERA ONLINE

5 coisas que amo fazer sozinha

Moro sozinha desde os meus 17 anos, quando me mudei por conta da faculdade. Meio que junto com isso, veio todo um processo de desconstrução, autoconhecimento e luta pela minha autoestima. Briguei muito pra me livrar de relacionamentos abusivos e, cada dia, foi uma batalha. Ainda é.

Desses dias, uns muito piores que outros, a grande maioria eu enfrentei sozinha. Da parte boa à parte ruim. Fosse coisas rotineiras às coisas mais absurdas. Mas o que eu mais aprendi ao longo desses cinco anos foi apreciar a minha companhia. Foi entender que eu estar sozinha não significava ser sozinha. E eu podia me sentir bem e completa no meu cantinho, fazendo as minhas coisas.

Eu não precisava de ninguém para me completar. Muito menos de um relacionamento. Como eu aprendi e hoje em dia eu falo quando esse assunto surge: a minha metade da laranja eu já chupei.

E é por isso que resolvi trazer para vocês cinco coisas que eu aprendi a amar fazer sozinha, por mais que muita gente ache super estranho.

1 . Ir ao cinema

Da lista de coisas que me irrita, está tentar marcar com amigos um dia para ir ao cinema. Um dia X não pode. No outro pra Y não dá. Quando tu vai ver, W e Z viram sem o resto do pessoal. Pra ver um filme a gente precisa de: olhos, ouvidos e dinheiro pro próprio ingresso. Às vezes nem tudo isso.

Você vai no seu horário, a pipoca é só sua, ninguém fica te atrapalhando pra ficar comentando as cenas. Muito amor! ♥

2. Compras

Por mais que seja legal ter uma segunda opinião, eu me sinto muito incomodada de fazer compras com outras pessoas. Sempre acho que estou arrastando e incomodando elas para algo que elas não querem fazer. Me sinto muito mais confortável estando sozinha e levando meu tempo nas arraras, provadores e etc.

Ah, sem contar que eu costumo ser muito objetiva e rápida fazendo compras. Sempre sei exatamente o que eu quero e não costumo ficar passeando pela loja. Geralmente quando saio com minha mãe, eu vejo a loja inteira antes mesmo de ela terminar a primeira sessão.

3. Exercícios e Transporte

O que eu mais vejo é gente reclamando de companhia para ir pra academia. Isso não faz sentido para mim. Seja porque eu tenho que sair pra algum lugar, ou decidi ir caminhar ou andar de bicicleta: por favor eu quero estar sozinha.

Pra mim o meu momento de locomoção para qualquer lugar é sagrado. É o momento em que eu pego meu fone de ouvido, a minha música, saio andando e esqueço do mundo. É quase uma terapia. Uma das minhas atividades favoritas.

4. Acompanhar séries

Quem aqui já tentou acompanhar uma série com alguém e tinha que ficar esperando a pessoa estando desesperadamente ansiosa para saber o que aconteceria a seguir? Gente, eu sou aquela pessoa que assiste uma season inteira em um fim de semana, quiçá em um dia.

Assistir coisas com outras pessoas não dá certo comigo. Eu não quero te esperar, eu quero respostas!

5. Curtir preguiça

A melhor parte de morar sozinho se resume em uma palavra: silêncio. E se você quiser dormir o dia inteiro ou ficar de pernas pra cima lendo aquele livro, você pode! E sem gritaria, sem panela batendo, sem cobrança, sem ninguém te pedindo nada. É só você, você e você mesma.

Quando amar se tornou uma maldição
[ AUTOESTIMA ] Você já se elogiou hoje?
A melhor pior pessoa do mundo

Receba as novidades:

12 comentários
  • Ana Beatriz Ferreira

    Não tenho problemas em ficar sozinha, mas geralmente não consigo ir a lugares sozinha. O bloqueio que tenho é por conta da violência, mas estou tentando mudar isso em mim.
    Gostei bastante da sua lista.
    Quando a gente passa um tempo só aprende mais sobre quem somos.

    https://littlemorgana.blogspot.com.br/

    Responder
    • Jade Amorim

      Ana, te entendo totalmente. Acho que isso é muito difícil principalmente pra quem mora em grandes centros. Espero que consiga se sentir mais confortável consigo mesma e com o mundo para aproveitar pelo menos as atividades dentro de casa. ♥

      Responder
  • Lua

    Também adoro fazer essas coisas! Mas daqui uns dias com o baby curtir a preguiça sozinha n vai ser mais possível!

    Responder
    • Jade Amorim

      Primeiramente parabéns pelo bebê! Em segundo lugar realmente vai ficar difícil desfrutar desses momentos agora, pelo menos durante os primeiros meses que o baby é tão dependente da mãe. 🙂

      Responder
  • Lívia Santana

    Meu sonho é morar sozinha!!Em breve terei que mudar por conta da faculdade, mas não quero ter que dividir casa com ninguém. Estar sozinha é liberdade!

    Responder
    • Jade Amorim

      Lívia, eu passei exatamente por isso e sei como é. Morar sozinho não é exatamente só glamour, mas tem suas vantagens, espero que você goste!

      Responder
  • Nath

    Eu adoro morar sozinha. Eu acho que nunca iria me readaptar a morar com meus pais se eu tiver que voltar para o Brasil. É tão bom tomar suas próprias decisões. Eu também amo ir no cinema sozinha. Eu sempre vou e é ótimo poder decidir na hora e simplesmente ir, sem esperar alguém. Também descobri que aproveito mais o filme vendo sozinha porque não paro para comentar c a pessoa do lado hahaha

    Eu adoro companhia, mas acho que nós podemos fazer o que nós gostamos sozinhos mesmo. às vezes se você ficar esperando por terceiros, você não faz nada e fica cheia de frustração! Eu super me identifco com o seu processo de adaptação a morar sozinha. Senti todas essas coisas tamém.

    Beijos

    Responder
    • Jade Amorim

      Nath, vou abrir meu coração de quem está passando um tempinho na casa dos pais: está sendo um inferno. É a pior experiência da vida. Não dá cara! E sim, aquelas conversas de filme super atrapalham né? É tão bom descobrir que podemos curtir nossa própria companhia ♥

      Responder
  • Rayanne Buchweitz

    Ai, ai Jade! Muitas dessas coisas são mesmo a melhor coisa do mundo pra fazer sozinha, única coisa que não fiz ainda foi ir ao cinema porque sou daquelas que não costuma ir muito sabe? hahaha Prefiro meu quarto com aquele download rápido que fiquei orgulhosissima de revirar a internet e conseguir encontrar ele em imagem HD com som maravilhoso. Eu realmente não vejo a hora de morar sozinha mas também entendo que, no momento, minhas condições em ~Temers não são boas, mas um dia eu chego lá, né?

    AH, isso de acompanhar séries eu cedi pela primeira vez e resolvi ver com a namorada, aiaiaiaiaiaiai eu nunca sofri TANTO pra assistir uma série, juro! Terrível quero ver tudo sozinha logo hahahah

    Beijão

    Responder
    • Jade Amorim

      Ray, sabe que eu também não sou muito de ir ao cinema? Mas quando eu vou não fico me limitando a ir só quando tem companhia, acho que essa que era a ideia. Vamos fazer de conta que assistir aquele filme debaixo da nossa própria coberta é nosso cineminha particular! hahaha. E eu entendo bem essa questão de morar sozinha, tá bem difícil pra mim ultimamente viu? :c

      Responder
  • Carol Justo

    Cara, que post lindo.
    Eu não moro sozinha, moro c om meu namorado, a gente se entende bem até mas somos muito dependentes um do outro, eu principalmente dele. Toda vez que eu tenho um momento sozinha parece que meu mundo se expande. Eu tenho muito medo de sair sozinha, mas eu sei que é um medo meio bobo e toda vez que eu encaro isso de frente e pego um busão sozinha, ando até o mercado sozinha, cara, isso é maravilhoso! Sempre penso "vou fazer mais disso" mas acaba que eu só faço quando é realmente necessário.\

    Quero muito pegar um cineminha sozinha e depois fazer compras, sozinha, apenas eu. Deve ser muito bom. Sei lá, a última vez que fui no mercado sozinha eu me senti muito adulta huahuah

    Beijos da Carol do blogPink is not Rose

    Responder
    • Jade Amorim

      Carol, fico feliz que tenha gostado. Realmente a gente acaba ficando muito dependente do outro e isso de certa forma nos limita, tanto que deixamos de fazer muitas coisas porque não temos o outro ali (!). Comece a se desafiar mais nessa independência, ter seu espaço, desgrudar um pouco, tenho certeza que vai ser libertador.

      Responder

Receba as novidades: