Posts in Category

Jornalismo

Faz tempo que me afastei da leitura de histórias de romances, mas é um dos gêneros que mais li até hoje. Minha autora favorita durante a adolescência, junto com o Zafón, era Meg Cabot. Não nego que um romance água com açúcar é uma boa pedida para relaxar entre uma leitura mais densa e outra. Foi com esse pensamento que optei por pegar o livro A chama dentro de nós, da autora Brittainy C. Cherry, lançado pelo Grupo Editorial Record no selo da Galera Record. Já tinha ouvido falar da autora por ter

Você já imaginou acabar com a sua vida? Considerou-se capaz de listar todos os motivos para fazê-lo? Já se desesperou por ser incapaz de sentir qualquer coisa? Ou até mesmo questionou qual o objetivo da sua existência? Eu já. Raiva. Desespero. Dor. E então um grande nada. É como se no meio de todo o turbilhão você tivesse chego em um grande lago de água parada. Você sente a pressão nos seus ouvidos e tudo que escuta parece muito distante. É como se tivesse correntes amarradas nos seus pés te puxando

Não sei se sou a pessoa mais adequada para debater esse tema pois não sou nem um pouco entusiástica desse gênero. Talvez, exatamente por isso, eu seja a pessoa adequada para falar sobre o assunto. Ter uma irmã caçula extremamente fã de K-pop me permitiu fazer algumas análises. Primeiro que o fã de K-pop é muito animado e dedicado… caramba, quanta energia galera. Em segundo lugar que a razão de pessoas que dizem que não gostam é geralmente xenofobia. Essa palavra dá medo, né? Você?! Xenofóbico?! jamais! Imagina! Você é uma pessoa tão

Já sai sem muita coisa comigo, menos sem um livro. Sempre há um livro debaixo do braço. Ficção, romance, fantasia, horror, aventuras ou científicos movidos à pura curiosidade. Cada pequeno traço, raciocínio e gesto é reflexo do que um dia foi absorvido de um pouco de tinta num pedaço de papel. Nunca quis protagonizar nada no mundo, ter uma perspectiva apenas como referência não agrada. Prefiro enxergar o panorama inteiro, estar ali, afastada e invisível, uma eterna espectadora de histórias e conhecimentos de milhares de vidas que jamais conseguirei viver

Medo, choque, desconforto e nojo são características sempre atribuídas ao gênero do terror, mas poucos sabem que também são características do horror, um gênero pouco conhecido e sempre confundido com o citado anteriormente. Os cemitérios, as trevas, os fantasmas, os seres monstruosos e, mais atualmente, os fracassos e os mistérios da ciência são os elementos principais do horror. Foi por intermédio da literatura gótica que o horror começou a ser pregado, mas foi com Edgar Allan Poe que o mundo foi apresentado ao horror visível, com acontecimentos espantosos, porém definíveis como os contos

Esse post não é uma resenha. Se você veio aqui achando que ia me ver analisar e contar minhas impressões sobre o filme, está enganado. Esse post é sobre pessoas, e tudo que há de pior nelas. Fui ao cinema assistir Logan na sexta-feira, um dia depois da estréia. O cinema estava lotado de gente sem educação. Tinha uns conversando lá atrás, outros mexendo no celular e xingando e caçando briga quando reclamaram. Tava sensacional. Mas não é esse o ponto do post. O ponto é que Logan é um filme

Sei que nos momentos difíceis você vai estar lá. Sei que quando minha TPM me fizer chorar sem motivo, você aparecerá com chocolate e abraços. E eu não precisarei nem pedir, porque você já sabe apenas com um olhar. Quando eu tiver medo, você segurará minha mão. E no dia em que eu fizer algo estúpido, você vai respirar fundo, me olhar nos olhos e chamar minha atenção. Você me faz rir, me protege, me entende quando digo que quero apenas ficar sozinha num canto. Você é meu amigo, meu melhor

Ligar os pontos. Minha mãe dizia que olhar as estrelas tinha a ver com isso. Lá em cima é como aqui embaixo, Jackie. Você precisa procurar as coisas que nos conectam. Encontrar os jeitos com que nossos caminhos se cruzam, nossas vidas se interceptam e nossos corações se encontram. Me sinto incapaz de começar essa resenha de outra maneira. Na verdade, pra qualquer lado que eu olhe é difícil começar essa resenha, pois os sentimentos que Em algum lugar nas estrelas me despertou são difíceis de exprimir em palavras. Terminei a

Se engana muito quem acha que para ser um fotógrafo basta comprar a câmera e sair por aí apertando um botão. Além de questões de estudo e “olhar”, o equipamento fotográfico vai muito além da câmera. Existem inúmeros acessórios fotográficos que acredito serem indispensáveis e que facilitam muito a vida do profissional. Resolvi trazer 5 acessórios fotográficos que estão na minha wishlist desde que adquiri minha câmera (uma Nikon D7100). Como cada câmera tem suas peculiaridades, principalmente em questões de marcas, eu não vou colocar nenhum site, apenas te mostrar o produto e

Nunca imaginei que usaria o blog para falar sobre um tema como esse, apesar de ser jornalista. Porém, acompanhando as últimas notícias, sinto que preciso de todos os veículos possíveis para compartilhar informações e combater o que a mídia tradicional está se esforçando muito: esconder o que está acontecendo com o Espirito Santo. Uso este post não só para apresentar fatos, mas esclarecer algumas realidades que cercam o universo midiático. Antes de mais nada, como a população está sendo nossa maior fonte de informação, vamos ao contexto. Acredito que não

1 2 3 4 9 Page 2 of 9