Raposa Crítica
Freebie Banco de Ideias
Resenhas Literárias
GUIAS TERA ONLINE

Resenha – Eu sou a Lenda

  • Nome: Eu sou a Lenda
  • Original: I’m Legend
  • Autor: Richard Matheson
  • Gênero: Ficção Vampiresca
  • Páginas: 296
  • Editora: Novo Século
  • Sinopse: Robert Neville é o último homem vivo sobre a Terra… mas ele não está sozinho. Cada outro homem, mulher e criança na Terra se tornou um vampiro, e todos estão famintos pelo sangue de Neville. De dia, ele é o caçador, caçando os não mortos adormecidos através das ruínas abandonadas da civilização. À noite, se entrincheira em sua casa e reza pela madrugada. Quanto pode um homem sobreviver num mundo de vampiros?

A parte ruim de se ler um livro do qual já assistiu (e ainda admira) o filme é aquela louca necessidade de procurar pontos em comum com o mesmo. Nisso acaba que a leitura não se torna desfrutada o suficiente, tive de ler o primeiro conto duas vezes, a primeira para saciar a louca curiosidade, a outra para realmente lê-lo.

Me surpreendi com o fato deste livro não ser apenas uma história, mas sim vários contos, mesmo que o maior seja de fato o que lhe dá o nome.

Richard Matheson é um escritor surpreendente pela forma da qual conseguiu criar diversas histórias sombrias e quase todas sobrenaturais sem cair no terrível clichê.

A primeira parte diverge realmente em muitos pontos do filme, quase tanto que torna a história apenas levemente semelhante àquela contada nas telas do cinema, sendo até engraçado terem atribuído-lhe a capa com o Will Smith quando o verdadeiro Neville é loiro dos olhos azuis.

Movido por muitos momentos de tensão, a leitura é quase frenética e no fim você se descobre levemente atordoado e bem cansado. Foi assim não só com o "Eu Sou a Lenda", mas também nos contos "Presa" e "Casa Louca", onde o escritor é capaz de expor tão bem as sensações que parece que você está sentindo as dores na pele.

Contudo, não foi apenas nesses gêneros que ele se manteve. Contos como "O quase defunto" e "O funeral" chegam a ser morbidamente engraçados. São histórias curtas e mais leves que as citadas anteriormente, como se fosse exatamente para aplacar a força das outras histórias.

Os que não me agradaram foram "Talentos Enterrados", "Guerras das Bruxas" e "Dos Lugares Sombrios", o final do primeiro foi bem estranho, chegando quase a ser vulgar, já o segundo contradiz toda a fluidez vista nos demais, usando exacerbadamente substantivos, tornando a história pesada, com trechos como se estivessem "quebrados". Já o ultimo, mesmo com o conteúdo bem substancial, achei muito vulgar e erotizado, além de um pouco confuso.

Já os demais contos como "Dança dos mortos", "Vestido de seda branca" e "De Pessoa para Pessoa" não negam fogo em momento algum, e sua interpretação varia muito de leitor para leitor, pois suas histórias são subjetivas e mais abrangentes que as demais.

Minha intenção original era fazer a resenha de Poe 200 anos, mas quando eu fui fazer vi que não me recordava bem de todos os contos então a farei apenas quando relê-lo (espero que em breve). Essa resenha já estava pronta e como não queria correr o risco de ficar mais que dois dias sem postar, estou adiantando ela para a programação. Particularmente é um volume que me agradou bastante! Participem da promoção aqui.

Promoção – Descobrindo as Delícias da Leitura
Resenha – The Walking Dead
Sobre Ovos de Páscoa

Receba as novidades:

14 comentários
  • mente inconstante

    Quando eu vi o filme, tive a impressão de que o vírus espalhado pela Terra havia transformado os humanos em zumbis e depois que comecei a ler o livro vc vê definitivamente a diferença: eles são na verdade vampiros, ne? Ainda nao terminei, mas gostei bastante das páginas que eu li. 🙂

    Responder
  • Marcos de Sousa

    Estou com esse livro, mas ainda não li. Parece ser bom.

    Beijos

    Responder
  • Debbys

    um dia desses meu namorado me contou a história do livro, como era diferente do filme e td mais. Aí, é claro que eu fiquei super interessada em ler, mesmo já tendo visto o filme, e gostado, mas a história do livro me pareceu muito mais fascinante.
    Assim que puder, quero arrumar pra ler!
    bjssss

    Responder
  • Jeniffer Yara

    Nem sabia que tinha o livro do filme D: E muito menos que eram em contos! Quero lê-lo *-* O único livro de contos que li foi Formaturas Infernais, ah também tem o da Clarice Lispector ♥ Mas enfim, se tiver oportunidade vou querer ler o livro. E achei super estranho o Neville ser loiro de olhos azuis no livro D: rs

    Ah,não esquece de passar lá no blog e ir baixar algumas músicas daquela playlist hein?*pedistes pra te avisar,hehe*

    Beijos

    Responder
  • Ana Chamilete

    Oii, tudo bem?
    Muito obrigada pela visitinha no meu blog! Eu amei o seu, muito lindo! ♥ Já estou seguindo e curtindo! ;D
    Beijos, beijos.

    http://deargirlsupdated.blogspot.com

    Responder
  • Monikita

    Fiquei com muitaaaaaaaaaaaaa vontade de ler. Vou prourar já já na net pra comprar.
    Adorei a dica…

    Beijos

    Responder
  • @_carlabresa

    Nunca li um livro de contos na vida. Me processe! hahaha Mas como assim o conto foi erotizado demais? Não entendi… Não vi o filme também, mas sempre as pessoas comparam os livros com os filmes, né? Não tem como. Eu msm se vejo um filme nem quero mais ler… Perde a graça, sei la..

    Como tao as coisas na faculdade, mulher? Já tem aula de fotografia no primeiro semestre? Que chique! hahaha

    RESPONDENDO SEU COMENTÁRIO NO MEU BLOG:

    Difícil me acompanhar nada, mulher. Foi só essa semana que eu dei alok. Mas resolvi agora que vou postar toda segunda e quinta. Daí os dias ficam espaçados o suficiente pra dar tempo de todo mundo ler e comentar, né? Hoje excepcionalmente vou postar na quarta pq o assunto ta acumulando e eu não postei na segunda!

    Não sei beijar de língua, pois é. Você reclamou que o menino nao beijava de língua, daí ele beijou e voce terminou? Mulheres…

    Não sei se vou trazer presentinhos pra vc, nao sei se ta merecendo já que vc nem foi no post passado ler o que eu contei, né? Estou pensativa a seu respeito. hahahaha

    Fechei um mês na segunda-feira! Pense que lindo e maravilhoso ter 2400 visitas no primeiro mês de bloguitchu?? Adoro, minhas leitoras são muito lindas, velho..
    Não fui pro eeeeeeex! Eu sei que figurinha repetida não completa album, mas nao tenho culpa se Adele me deprime e me lembra meu ex, né? 🙁

    Ah, eu posso esperar até maio, nao tem problema! Adorei a exclusividade de vc entrando no pc alheio pra comentar no meu blog. Sou muito phyna (e depois eu que te amo, claro, ta bom) hahaha

    Mulher, vou ficar por aqui senão vamos reescrever a bíblia só com esses comentários. Bizarras essas conversas gigantes que eu tenho que ficar subindo td hora a barra de rolagem pra ver o que vc disse. Tenso! lol

    Beijooo!!

    Responder
  • Aw, seu blog é lindo, sério *—————————————————–*

    WOW, para de rir dos meus posts u_u BRIMKS GHFJLHGFJHGFHGFJKGHFKHGKFJ

    Eu já ouvi falar muito bem desse filme, só que quando meus pais viram, eu não vi junto com eles ):

    Amei aqui e vou voltar mais vezes!

    Bjonas e fique com Deus <3

    Camilla Martins – http://sugar-dance.org

    Responder
  • Anne Beatriz

    Eu gostei do filme, fiquei morrendo de dó quando ele mata o cachorro. Sério, a pior parte pro meu coraçãozinho.
    Fiquei com vontade de ler os contos. Mas vontade, vontade. Minha estante tá cheeeeia de coisas que precisam ser lidas ainda!

    PS: Sobre o sexto volume do Mochileiro das Galáxias, eu não sei! Onde acha? Mas não foi o Douglas Addams que escreveu, né? Ah, eu adoraria ler!

    Responder
  • @dudsparrow

    oi querida,
    adorei a resenha, fiquei com muita vontade de ler, pois adoro esse gênero. Sempre achei que fosse uma historia só, não tinha ideia de que eram contos :OO
    boa semana
    ;*

    Responder
  • Gabriela Freitas

    Não sabia que tinha livro, achei que era só filme! ahaha
    Adorei, sou louca para ver e depois de agora para ler também! ahah

    Responder
  • Anna Sophia

    Nossa deve ser muitoooooooooo bomm!!Estou louca para ler!!!!Beijoos!!!
    http://www.cotidianodeumabarbie.blogspot.com

    Responder
  • Stella Valim

    Adorei a resenha! Deu vontade de ler e quero comprar 😀
    http://www.senhoritaliberdade.com/

    Responder
  • Akemi Takarai

    Amo o filme! estava ate um dia desses revendo-o com o namorado, mas nunca busquei pelo livro, nem sabia que tinha um, e ainda mais que era um de contos!

    Mas eu entendi um pouco da sua agonia, lembro que assisti Crepúsculo antes de ler o livro, quando fui ler, busquei por essas semelhanças toda hora, fé quase um tormento rsrs
    Agora eh o contrario, busco no filme semelhanças com o livro rsrs

    Bjinhuss

    http://akemi-takarai.blogspot.com

    Responder

Receba as novidades: