Raposa Crítica
Freebie Banco de Ideias
Resenhas Literárias
GUIAS TERA ONLINE

Resenha – Liberte meu Coração

Foto da maravilhosa do Fluffy.

Liberte meu Coração foi um dos livros que li em uma única sentada. Foi numa manhã de domingo que resolvi começar a lê-lo. Em meio as festividades, visitas e tudo o mais, sem contar as risadas que às vezes escapavam enquanto lia algumas páginas num pequeno intervalo de tempo, terminei o livro antes das onze horas da noite do mesmo dia.

Os livros da Meg Cabot sempre foram muito gostosos de ler. Tanto que acostumei-me a degustá-los logo após uma leitura densa, de livros antigos e linguagem rebuscada. É quase como se fosse um livro de descanso. Só que quando eu peguei este livro e comecei minha leitura apenas uma coisa vinha à minha cabeça:

Quem é você e o que fez com a Meg Cabot?

Porque, bom, eu achei muito legal que a "Mia Thermopolis" tenha escrito a história  – princesa da série O Diário da Princesa da mesma autora – e que todos os direitos autorais tenham sido doados ao GreenPeace, um gesto que dá vontade de aplaudir em pé.

Só que foi quase um choque ver que a autora tinha mudado tanto sua estilística para isso. Afinal, o livro é em terceira pessoa, e isso é uma novidade incrível, onde a autora se deu muito bem. Agora, o que surpreendeu é que a Meg não pareceu nem um pouco afim de atingir o público infanto-juvenil, apesar dele estar classificado dessa forma em sua contra-capa.

“(…) Bem, meu irmão mais velho, Robert, tenta cuidar de mim, eu acho. Mas somos seis…
— Seis o quê?
— Seis irmãs. E não é fácil para ele…
— Meu Deus — ele exclamou. — Você está dizendo que existem mais seis de você em casa?”

— Liberte meu Coração

Pela quantidade de cenas eróticas e a riqueza de detalhes, eu me senti lendo mais um dos volumes da (texana e incrível) Cadence Camp. É quase como uma evolução da autora para algo mais maduro, mesmo que a história não seja muito inovadora.

Tudo bem, Finnula usa calça de couro, é caçadora e totalmente independente. Ela sequestra um cara que – adivinha? – é só o conde do feudo em que vive. Tipo, só por coincidência.

A narrativa é agradável, há cenas muito engraçadas, pois a doce Finn é, apesar de tudo, muito ingênua e o conde Hugo é um homem perspicaz e sutilmente safado. As trapalhadas em que ambos se metem são cômicas. Em acréscimo, por trás disso tudo, há intrigas e segredos que vão te manter completamente amarrados à narrativa.

— Você acha que sou tola? — ela perguntou. — Que vou ficar extasiada por suas lindas palavras e implorar para você me tomar em seus braços? — ela riu com sarcasmo. — De jeito nenhum!

— Liberte meu Coração

Em resumo, Meg Cabot se reinventou numa história de época incrível, madura e altamente clichê. Uma ótima pedida quando a complexidade de outros volumes ou até mesmo os livros didáticos estão acabando com a pouca sanidade que lhe resta, pois por mais que ele grude seus olhos nas páginas, você relaxa.


Liberte meu Coração
Título da obra: Liberte meu Coração
Autoria: Meg Cabot
Páginas: 404
Gênero: Romance
Editora: Galera Record
ISBN: 9.78850108669E+12
Ano de publicação: 2011
Onde encontrar: SkoobGoodreads
Onde comprar: AmazonSaraivaSubmarino
Sinopse: Finnula é a caçula de seis irmãs e um irmão na Inglaterra do século XIII. Enquanto suas irmãs se contentam em fofocar sobre maridos, crianças e afazeres domésticos, Finnula é alvo de comentários maldosos de toda a vila por caçar nos terrenos do conde e por andar por aí em calças de couro justas! Mas de repente Finnula se vê envolvida numa complicação sem tamanho... Uma de suas irmãs acabou com o seu dote comprando vestidos e bugigangas, e a única forma em que as duas conseguem pensar para recuperar esse dinheiro é muito pouco usual... Sequestrar um lorde ou um cavaleiro rico que possa pagar um resgate! O que ela não esperava é que esse sequestro fosse criar mais problemas do que soluções: o cavaleiro recém-chegado das Cruzadas que é escolhido por Finnula vai acabar se mostrando alguém muito diferente do esperado, e a moça pode acabar tendo que abrir mão do resgate... e de seu coração.
As Coisas que eu Aprendi Depois que eu LI!
A diversidade em 'A longa viagem a um pequeno planeta hostil'
Escolha a minha TBR: Jade x Nathalia

Receba as novidades:

35 comentários
  • Nilson Nobre.

    O livro parece ser muito bom. Quando participei da promo, queria apenas "Memórias de uma Gueixa", depois de ler a resenha, quero TODOS

    Responder
  • Sonia

    O livro tem o tema que adoro. E adorei O Diário de Princesa 1, estou aguardando para ler os outros e este da resenha.

    soniacarmo
    retalhosnomundo.blogspot.com

    Responder
  • Sonia

    O livro tem o tema que adoro. E adorei O Diário de Princesa 1, estou aguardando para ler os outros e este da resenha.

    soniacarmo
    retalhosnomundo.blogspot.com

    Responder
  • Matheus – Tudo Desbloqueado*

    Muitooooo legal a resenha lindo lindo ahhhh
    http://blogtudodesbloqueado.blogspot.com

    Responder
  • Aline

    Esse livro deve ser muito bom. Eu li o "A filha da exterminadora" que tem no livro Formaturas infernais! Muito bom, eu recomedo.

    Responder
  • escutaessa.blogspot.com

    Adorei a sua resenha *-*
    Gosto muito da autora e esselivro já está na minha lista para leitura 😉

    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com/
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    Responder
  • Evelyne

    Sou meio que inimiga de contos de fada. Por isso que Meg Cabot nunca me atraiu muito. Fujo de novelas, comédias românticas e todo e qualquer tipo de "final-feliz-e-perfeito".por mais que esse livro ainda pareça um romance tradicional, a história é mais do que "uma adolescente abandonada que se apaixona pelo menino mais popular e blablá".
    Já gostei dele porque é a personalidade das personagens que me faz querer um livro.

    Responder
  • Erica Ferro

    Desde quando eu li a sinopse desse livro que eu fiquei bem curiosa pra ler. A fama da Meg é escrever livros meio que chick-lits, né? E vê-la assim, numa versão mais madura, escrevendo romance histórico, com pitadas de sensualidade e tudo mais, bate uma vontade loucona de ler. Eu quero conhecer mesmo esse livro e vou ganhá-lo na sua promoção, mocinha!

    Ótima resenha, Jade.

    P.s: que diabo de nome mais esquisito o dessa protagonista, hein? Finn é um apelido bem melhor que o nome Finnula!

    Responder
  • ; amanda cristine.

    Eu sempre quis ler esse livro! Deve ser bom mesmo, pra você ler em tão pouco tempo, né? Haha! Enfim, estou participando da promoção e quero muito ganhar!
    Beijos,
    the-mandie.blogspot.com

    Responder
  • Anne Beatriz

    Nossa, sempre fui louca para ler esse livro, desde que a Mia não parava de falar nele em O Diário da Princesa. Fiquei saltitando de felicidade quando descobri que a Meg tinha realmente escrito o livro, mas até agora ainda não tive a chance de comprá-lo, emprestá-lo, ganhá-lo ou lê-lo de qualquer forma. Quem sabe agora, hein?

    Beijos, Jade 🙂

    Responder
  • C.Krugel

    Pode botar o banner lá sim floor,eu agradeço sua visita e quero que volte la no blog sempre que quiser,beijos.
    blogmeaningless.blogspot.com

    Responder
  • CARLA WOLF

    Eu sou apaixonada pela sério do diário da princesa,tenho todos,inclusive esse,confesso,esse livro é ótimo,mas uma pessoa que nunca leu a série não iria achar graça na história,já que conforme você vai lendo você vai imaginando os personagens e pensa 'NOSSA É FULANO',sei lá,acho que é coisa de fã;
    wolftheideia.blogspot.com/

    Responder
  • HONORATO, Sandro

    Hey 🙂
    Adorei a resenha *-*
    Meus parabéns pelo blog 🙂
    Lindo 🙂
    Estou seguindo e coloquei como "Recomendo" em meu blog >.<

    Beijos

    http://www.rimasdopreto.com

    Responder
  • Karine

    Muito lindo o blog seguindo, o meu é: http://asoonhadora.blogspot.com/
    Me da uma ajudinha, se puder é claro!
    votar aqui:
    http://bnascimentooo.blogspot.com/
    Na barra lateral, em DREAMER…
    Ficaria muito grata, Deus abençoe sua vida!

    Responder
  • ; amanda cristine.

    aah, eu já ouvi falar nesse livro. pelo visto deve ser bom mesmo.
    obrigada por passar lá no DD, sinta-se a vontade pra voltar sempre.
    beijos .
    the-mandie.blogspot.com

    Responder
  • Déborah-alana

    Olá floré, gosto muito dessa autora, adoro os livros dela, votei nesse livro pra o sorteio, parece muito bom e quero lê-lo :* beijinhos e seguindo seu blog 😉

    Responder
  • A Borbolet@

    Gostei, ao menos aparentemente, do livro.
    Vou colocar na lista.

    Seu blog é um charme
    Vim retribuir a visita e adorei

    Estou seguindo…

    Beijo grande

    Responder
  • Stela Schulz Martins

    Adorei o post, eu amo lvros, amo ler, é muito bom e nos ajuda bastante, a refletir, e etc.. Ameiiii aqui, super fofo, Beijão !!!

    http://sweetdreamsoficial.blogspot.com/

    Responder
  • Gabii

    Eu quero ler, adoro Meg Cabot, acho os livros dela incríveis.
    Beijos!

    http://www.phynogabii.blogspot.com

    Responder
  • Duda Almeida

    Awn eu adoro a Meg, amo muito os livros dela, mas esse ainda não li,hihi.
    Mas, parace ser muito bom, ainda mais se ela foge um pouco do que sempre fez.
    Beiiijos:)
    http://cartasp-voce.blogspot.com/

    Responder
  • Flávia

    O livro parece ser muito lindo,dá até uma mega vontade de ir correndo e ler!!

    http;//www.senhoritaperfeita.blogspot.com

    Responder
  • Aniinha(para toda vida)

    Parece otimo!!
    Flor se quizer participar do concurso,pode colocar o banner no final de um post ou so falar q esta participando!
    do-ladodeca.blogspot.com

    Responder
  • Marcinha

    Oi anjo (:
    Pode roubar meus leitores não u,u q feio kkkk'
    Bjo doce
    TDiaryofteens.blogspot.com

    Responder
  • May

    Tenho muita vontade de ler esse livro, mas nem sabia do que se tratava! Adorei sua resenha.

    Beijos,
    May ;*

    Responder
  • Carol

    Oie tudo bem?
    Gostei do blog e do layout tb, muito lindo!
    Bom eu gostei da resenha do livro, a autora é muito boa né =) adorei! fiquei com vontade de ler agora =)
    Bjs!

    Responder
  • Vanessa Sueroz

    eu tb achei o livro totalmente fora da realidade de livros da meg, mas mesmo assim achei mto bom!! Claro que para os fãs é um susto e tanto esse livro, já que estamos acostumados com outro estilo, mas acho que vale a pena conferir o livro.

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    Responder
  • Stella Valim

    Sempre que eu leio resenhas boas, eu sinto vontade ler os livros da qual elas falam. Adorei sua resenha e quero ler esse livro <3
    Vou comprar, com certeza.
    Adorei o seu blog.
    http://www.senhoritaliberdade.com/

    Responder
  • Bárbara Emerich Mórtimer

    Alguém falar que um livro é muito bom já desperta a minha curiosidade, falar que leu um livro de 404 páginas em UM dia me deixa LOUCA pra ler! hUshUHsuHASuHASU Parabéns pela resenha e pelo blog! Já estou seguindo 😀
    Obrigada pelo comentário lá no blog, e Jadeee tem promoção do livro que comentou, Qual seu Número, e por que não tenta a sorte? Corre lá menina! o
    hUAshuAHsuAUshAS

    Beijos Beijos
    Bárbara Emerich
    http://QueroUmRomance.blogspot.com

    Responder
  • Renata

    Sou fã da Meg desde "diário da princesa" e já tive a chance de ler outros livros escrito por ela (A garota americana, Rainha da fofoca são alguns exemplos) e fiquei com muita vontade de ler este livro, apesar de ser 'clichê'.
    ;*

    Responder
  • Paloma (blog AP)

    Nunca li um Meg Cabot, acho que tenho um pouco de preconceito. Além disso, a primeira coisa que pensei quando li a sinopse foi 'clichê'. Mas se você diz que é bem escrito, eu acredito, e fico mais aberta à possibilidade de lê-lo, se tiver a chance.
    Beijos

    Responder
  • Jeniffer Yara

    E dá pra ver que até agora esse é o livro escolhido para o sorteio, e se for ele, vou gostar muito, apesar de só ter lido um conto da Meg e um livro dela que nem é muito conhecido, eu conheço a famosa leitura relaxante e divertida que é quando se lê um livro dela, ainda quero ler todos os livros de O diário da princesa e esse entrou pra minha lista, gosto de filmes de época e todo o mistério com o Hugo e com a história da Finn me atraiu e muito.

    Tenho uma pergunta a te fazer, tava procurando alguém pra perguntar sobre isso,e agora que percebi que você pode me ajudar! Como faz pra colocar esse tipo de 'caixa de texto' no blog, esse que tá na sinopse do livro aqui?! Enfim, ainda sou ignorante em certos assuntos de blog.haha'

    Esperando a outra resenha o/

    Beijos

    Responder
  • Debbys

    Háaa, eu amo Meg Cabbot! Só que nunca tinha ouvido falar nesse livro, pra ser sincera, mas acho tbm as leituras muito agradáveis, relaxantes, engraçadas e hipnotizantes, mesmo com todo o cliche das histórias dela.. kakakaka
    agora tô em dúvida de qual tem que ganhar.. kakakakakakakak
    bjus e valeu a dica dos livros!

    Responder
  • cliquesluks

    Nossa adoro livros de romance e histórias antigas (meio medievais). hashhas' Já tinha visto ele para vender e quase comprei, mas pensei que poderia ser chato, já que nunca li Meg, mas mudei de pensamento. ^^

    Beijos ^^

    Responder
  • Max Psycho

    Bom, primeiramente não seis e foi sarcasmo da sua parte ou apenas comentario, mas explico que meu comentario la foi o maior porque era sobre um assunto que eu conheço, quanto a livros, não comento pois odeioler (devo me envergonhar disso mas é verdade)

    Responder
  • Ana Seerig

    Como fã de "O diário da princesa" tô louca pra ler esse livro. Como o livro é supostamente escrito pela Mia, há trechos dele no último livro da série. É ótimo ver a Mia falando no livro e dá uma vontade danada de ler "Liberte meu coração", assim como deu vontade de ler "Chega de milho!", não é à toa que ela tornou o livro real. Como quero ler esse livro!

    Responder

Receba as novidades: