Raposa Crítica
Freebie Banco de Ideias
Resenhas Literárias
GUIAS TERA ONLINE

Resenha – The Walking Dead

  • Nome: The Walking Dead – A Ascensão do Governador
  • Original: The Walking Dead: Rise of The Governor
  • Autor: Robert Kirkman and Jay Bonansinga
  • Gênero: Terror/Apocalipse Zumbi
  • Páginas: 364
  • Editora: Galera Record
  • Sinopse: No universo de The Walking Dead não existe vilão maior do que o Governador, o déspota que comanda a cidade de Woodbury. Eleito pela revista americana Wizard como "Vilão do ano", ele é o personagem mais controvertido em um mundo dominado por mortos-vivos. Neste romance os fãs irão descobrir como ele se tornou esse homem e qual a origem de suas atitudes extremas. Para isso, é preciso conhecer a história de Phillip Blake, sua filha Penny e seu irmão Brian que, com outros dois amigos, irão cruzar cidades desoladas pelo apocalipse zumbi em busca da salvação.

Quando descobri sobre a existência desse livro simplesmente concluí que precisava dele na minha estante. Acho que sempre deixei claro que The Walking Dead é uma das minhas séries preferidas e a única do gênero Terror que consigo acompanhar.

Assim que pude obtê-lo, minha leitura começou imediata. Como ficou bem claro na sinopse, a história não é a mesma contada no seriado, mas é meio que geograficamente igual. Ambas começam numa cidade no interior da Geórgia e tem como destino o suposto centro de refugiados de Atlanta.

O enredo conta a história de Philip Blake (homem forte, viúvo e que automaticamente ficou no comando do grupo por ser o que tem mais a perder), sua filha Penny (uma garotinha meiga de sete anos, que passa por muitas transformações no decorrer da história), o irmão Brian (um verdadeiro frangote que tem como única utilidade inicial ser babá de Penny), o amigo Nick (um religioso fervoroso, mas guerreiro) e Bobby (um gordinho bem colaborativo).

O livro já começa bem tenso, com Brian e Penny escondidos num armário enquanto Philip e os outros dois limpam uma luxuosa casa de sua família de walkers. Três dias após o apocalipse, sem saber como, quando, onde ou porquê aquilo está acontecendo, a história tem um ritmo frenético intercalando com alguns outros de calmaria para deixar você respirar.

Com conflitos psicológicos intensos, questionamentos profundos e uma descrição que, para quem acompanha ou já viu algum episódio da série, a cena se desenrola perfeita e nitidamente na sua mente, Robert Kirkman e Jay Bonansinga alcançou o melhor que uma parceria pode dar em matéria de livro e suspense.

É uma história que mostra o melhor e o pior do ser humano. Confesso que na maioria o pior, e não estou falando em relação aos walkers, porque com esses não existe ser bonzinho. Contudo mostra o verdadeiro lado do ser humano quando o caos se instala.

Muitas vezes munidos apenas de uma barra de metal e um taco de baseball, o grupo passa por situações que é quase impossível acreditar que sobreviveram. São soluções inteligentes, mas com algumas perdas ao longo do caminho também. Em alguns momentos senti a necessidade de parar de ler para não sucumbir a ânsia de vômito, de tão nítida que era dada situação. Em outros, às lágrimas me impediam de enxergar as letras impressas bem na minha frente.

Sem contar que há todo aquele suspense de qual deles será o governador; como se tornará o governador, e assim por diante. É uma história para os corajosos e, definitivamente, não é uma história para se ler antes de dormir. Contudo, se tem um conselho que posso dar é para que leiam, porque assustador ou não, é um livro psicologicamente rico.

Agora, a capa do segundo volume que será lançado ainda esse ano nos EUA e sabe-se lá quando chegará ao Brasil:

E aí está mais uma resenha feita pela minha pessoa. Desculpem o sumiço galera, é que eu me mudei semana passada e ainda começaram as minhas provas. Aliás, é exatamente por isso que não prometo atualizações rápidas, ok? No dia em que a professora de vocês chegar falando que a prova dela são apenas três questões e que você tem uma folha para trabalhar a resposta dessas questões e que qualquer resposta com menos de dez linhas é considerada incompletíssima vocês me entenderão perfeitamente.

PS: o presente da nossa sorteada na promoção já foi pago e estou aguardando a compensação para enviar.
PPS: Fui convidada a participar de mais um sorteio, dia 22 vocês ficarão sabendo mais!
PPPS: Estou tentando conciliar meu tempo livre em assistir séries e animes. No momento estou assistindo um curtinho que quero muito resenhar para vocês.
PPPPS: Comecei a jogar Aion, mas não se preocupem que estou controlando meu vício e estou me limitando a jogar apenas de vez em quando.

Promoção – Descobrindo as Delícias da Leitura
Sobre Ovos de Páscoa
A porta da rua é a serventia da casa

Receba as novidades:

18 comentários
  • Filipe Machado

    Eu não considero The Walking Dead como terror, mas é a minha série preferida de todas. Robert Kirkman pra mim é um cara genial, com uma mente e imaginação fantásticas. Desde que fiquei sabendo desse livro, eu tenho vontade de lê-lo. Gostei de série, dos quadrinhos (que apesar se serem os originais, ainda prefiro a série), e espero gostar ainda mais da história em forma literária. O governador deve aparecer na série em breve, depois que eles passarem pelo presídio da 3ª temporada, e estou ansiosíssimo por isso. Todo mundo falando do governador pra cá e pra lá, e o legal é que essa história conta como que ele vai se tornar o tal vilãozão né?! Interessante, bem interessante. Fiquei ainda mais curioso agora. 😛

    Responder
  • Oie Jade!

    Tem post novo no meu blog, confere lá?

    Bjonas e fique com Deus <3

    Camilla Martins – http://sugar-dance.org

    Responder
  • Dani

    Acho que o livro deve ser bem mais emocionante que a série *-*
    Preciso dele k
    Beijos

    Responder
  • Pelo amor de Deus, eu fui irônica quando disse sobre o Pe Lanza no post, eu até coloquei um [ironia] [/ironia] entre o que eu falei dele xD

    Wow, zumbis são legais -q

    Bjonas e fique com Deus <3

    Camilla Martins – http://sugar-dance.org

    Responder
  • Juliana

    Eu não sabia que tinha um livro da serie *o*.
    Eu Preeeeeeeeeeeeeeeeciso desse livro! hahaha.
    Tipo eu fiz aquele formulário de comentários para o blog apartir desse tutorial : http://www.codigosblog.com.br/2011/01/instalando-o-intensedebate-no-blogger.html

    é só segui-lo direitinho que dá certo. ;D
    Beijos.

    Responder
  • Natalia

    Tem-livro-do-the-walking-dead-eu-preciso-disso! HHAHAHA

    Responder
  • Alessandra Rocha

    Menina que graça teu blog! Vim aqui primeiramente agradecer a visita e concordar que a Vanessa é uma baita guria talentosa né? Serei eternamente grata a ela por aquele texto. Agora, vou te contar que Zumbis não são minhas criaturas fictícias favoritas, mas tenho um amigo meu que é fissurado em The Walking Dead e inclusive me fez assistir a season finale da segunda temporada com ele haha, mas o livro me pareceu muito interessante… Eu gosto desses livros de suspense/terror embora minhas grandes paixões sejam mesmo os de fantasia, vou ver com ele se ele já tem e/ou já leu!
    Bom que o aniversário dele ta chegando e tu me deu uma ótima dica de presente! haha

    Beijos

    Responder
  • Simplesmente (P.)

    Ooii… Adoro zumbis muito boa sua resenha, sempre assisto a série quando consigo um tempinho rsrsrs
    Então você sonha em conhecer Curitiba??!! que legal!!! Sempre que eu for em algum lugar diferente dos que já postei vou fazer posts, assim vc e quem curte podem conhecer um pouco mais! E quando conseguir vir aqui avise!!
    Beijinhosss!!!

    Responder
  • Lu Rosário

    Já ouvi falar (e bem!) dessa série..!

    Beijão.

    Responder
  • Hellen

    O livro parece ser interessante mas não curto zumbis nem terror rs'
    http://cantoseencantosdahellen.blogspot.com.br/

    Responder
  • Amanda Cristine

    Eu só assisti alguns episódios da série, mas não senti tanto medo quanto eu imaginava. Mas mesmo assim, eu gostei bastante. Só vim descobrir agora que tinha um livro, e sua resenha me encheu de ansiedade para lê-lo. Ótima resenha!
    Beijos :*
    http://the-mandie.blogspot.com.br/

    Responder
  • Jeniffer Yara

    Gosto da série, mesmo deixando ás vezes pra depois pra assistir, confesso que é uma das poucas que me deixam realmente com medinho :/ rs O livro, eu soube da existência dele faz um tempinho, claro que quero ler *O* Já li algumas HQ's de The Walking Dead, vi algumas diferenças, não muitas, mas foi pelo computador :X Enfim, resenha ótima Jade, não tem como não querer ler esse livro *____*

    Beijos ><

    Responder
  • Debbys

    MAs aqui, vc já leu os quadrinhos? Eu tô terminando de ler! Tipo, fiquei bem curiosa de saber a história do tal governador, pq no quadrinho ele é um MONSTRO e vc quer mais que ele morre.. sério.. hihi…

    bjsss

    Responder
  • Thábata Bauer

    Nunca assisti o seriado, mas amei a resenha e me deixou muito interessada em ler o livro! Beijos, http://www.thingsofadreamer.blogspot.com

    Responder
  • Sammy

    Bem, ainda não assisti o seriado, mas devo confessar que sua resenha me deixou com muita vontade de ler, acho bacana livros de terror, mesmo com o medo, parece que sinto uma necessidade de me aventurar nessas estórias =D

    Bjs

    http://www.daimaginacaoaescrita.com

    Responder
  • HONORATO, Sandro

    Olá 🙂
    The Walking Dead *–*
    Quero ler 🙂

    E ai vendo qual anime?

    Beijos e cuide-se
    ________________
    RIMAS DO PRETO

    Responder
  • Fernanda Falleiro

    Eu adoro The Walking Dead a série, e estou doida pra ler este livro, todas as resenhas falam que ele é super tenso, bem como eu gosto rsrs
    Não sabia que era diferente da série…
    Bjoss

    Responder
  • Aline V. Melo

    Hummm parece bom!

    =)

    Responder

Receba as novidades: