Raposa Crítica
Freebie Banco de Ideias
Resenhas Literárias
GUIAS TERA ONLINE

Sobre

Prazer, Jade Amorim, e seja bem-vindo! Tenho 22 anos e sou conhecida pelo meu perfeccionismo. Acadêmica (na reta final!) de Comunicação Social – Jornalismo pela UFMS e atualmente trabalho e pretendo seguir carreira na área de Marketing Digital e Social Media.

Blogueira desde 2008, tenho um lugar no meu coração todo especial para mangás, animes, graphic novels, MMOs e MOBAs. Também me dedico ao marketing digital, design, fotografia e literatura.

Atualmente resido em Campo Grande, capital do MS, mas não tenho intenção de me prender em lugar nenhum. Sou autodidata em quase tudo que me disponho a aprender, foi assim que aprendi básico do espanhol e desenvolvi meu inglês ao nível avançado. Também descobri sozinha a usar o Photoshop, InDesign, CorelDraw e pretendo, posteriormente, fazer uma especialização em Web Design e programação para sites e blogs. Se tenho uma certeza na vida é que amo estudar e não pretendo parar tão cedo.

Porque para mim, criar, escrever e se expressar não é uma obrigação; é uma arte, um dom que sai da alma e do coração e vai diretamente para os dedos.

Jade Amorim (jadeamorim.com.br) é um blog pessoal criado por mim em dezembro de 2008. Hospedado no WordPress, o blog já foi participante do último ano vigente do Tudo de Blog da Revista Capricho, tendo seu link divulgado várias vezes na revista e uma matéria sua publicada na íntegra.

O blog é a minha realidade e um abrigo para o cotidiano, literatura, jornalismo, blogsfera e tudo que me inspira. Já teve muitas e muitas fases, meu espaço é tão dinâmico quanto minha própria pessoa e agora se encontra num momento mais opinativo e profissional.

Sinta-se em casa e me mande um hello pelo formulário de Contato, ou pelas redes: Facebook, Instagram, Steam ou Twitter, meu maior vício! ♥

Me acompanhe também pelo Bloglovin, o melhor leitor de feeds da blogsfera.

Às vezes, os leitores recordam uma obra melhor do que seu próprio autor. Recordam seus personagens, seus conflitos, sua linguagem e suas imagens com uma benevolência que desarma o romancista que já começa a esquecer tramas e cenas escritas há tantos anos, mais do que gostaria.

– Carlos Ruiz Zafón

Receba as novidades: